facebook 3 24  instagram 24  youtube 24
Redes Sociais

ANASTÁCIA

Centro de Terapias Alternativas

Origens dos santos

Origens dos santos africanos

Em África, como no resto do mundo, existem distintas crenças, fundadas em algo original e histórico. Diz-se que antigamente Deus (Olodumaré) andava pela terra, mas não havia nem terra ou árvores, nem nada, unicamente rochas de lava.

Como consequência, o vapor produzido pelas lavas acumulou no espaço uma grande quantidade de nuvens que se conseguiam suster. Olofi queria que o Mundo se inicia-se e então descarregou esta nebulosa nuvem de vapor, e converteu-a em água, sobre a lava; na área que mais ardeu e queimou, ficou mais fundo e converteu-se em grandes oceanos. Assim, nasceu todos os Yemanjas do mar, desde Ocute até Olokun. Assim, o africano crê que a lava que havia no planeta era a vontade de Olodumaré, o que iluminava o sol (Algallù) e todo os demais.

Antigamente, este Santo (Algallù) era o mais temido e respeitado. Depois de muitos dias, a cinza daquelas rochas incandescentes acumularam-se nas partes mais altas e foram formando uma massa lamacenta, era esta a terra do Orichá Oko. Esta massa lamacenta trás podridão e epidemias; assim nasce Babalú Ayé. Produto das ervas, nasce Osaín. Os grandes montes são Oke, e nelas nasceram os vulcões, onde Oggún faz o seu ferro. Este vulcão para Algallú é o Orichá mais respeitado e temido em África. Da lava do vulcão nasceram os rios (onde nasceu Ochún e Nana Burukú). Daí nasceram os caminhos e veredas e o príncipe Elegwua. 

Se fixaram bem a história do nascimento da Terra, verão que Yemanjá e Orichá Oko são os Orichás que nasceram primeiro e esta é a razão de que são criadores de todos os seres humanos e os pais da religião e mitologia Yoruba.

 

Okanbi

Com a bênção do meu Pai Aggayú e Yemanjá

Para qualquer outra questão sobre este texto, pode-nos escrever para o nosso correio eletrónico e darei mais explicações ou retirarei dúvidas.

 

 

 

Contactos

Rua do Xisto, n.º 150

4475-509 Maia . Portugal
Tel: 96576 3788 
Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Aqui tem acesso à nossa morada e dados de contacto. Após a sua visita “online”, aguardamos a sua visita presencial.

Livro de Reclamações Eletrónico