Rua do Xisto nº 150,
4475-509 Nogueira Maia

(351) 913 089 277
geral@centroanastacia.com

Oddu: Ogbara Okana (6-1)

|
Escrito por Okanbi / Omo Aggayú

Oddu: Ogbara Okana (6-1)

ODDU:

OBBARA OKANA ( 6 - 1 )

 

O REFRÃO DIZ:

“Da mentira, nasce a verdade.” ou “O capricho é a perdição de tudo.”

 

SANTOS QUE FALAM NESTE ODÚN:

Shangó, oshún, elegua, algallú, oshosi, iroko, oba-nani, obatala, egún.

 

REZO DO ODÚN:

Oni bara ola bara elle bara cicate efekkyue cicate lodafun ofetun oloya ichun. 
Oni bara ola bara elle bara quicate lodarfun erefe tinche ellela elle. Afiley elle quicate.

 

GENERALIDADES:

Cuidado com os convites porque vai passar um grande susto. Há que limpar a casa e dar de comer a porta da mesma. Há que fazer uma missa aos defuntos. É a finalização do que construiu, não é destruidor, mas se provoca o seu final, se autodestrói. Se torna uma pessoa soberba e pouco analítica, irreflexiva e egoísta. Ao avançar é capaz de destruir tudo o que construiu para não deixar nada, nem sequer uma herança. A mesma pessoa provoca o seu fim sem se importar do esforço que fez por construir, e isto se relaciona com tudo, abandona amizades, não valoriza a sua família nem o emprego, ainda que se arrependa em seguida, coisa que nunca o dirá por não dar o seu braço a torcer. Se escasseia de coisas materiais ou comidas. Se pensa em realizar uma viagem deve fazer um ebbó antes para que tudo lhe sai bem. Há um êxito (algo que só espera uma confirmação) para vir e onde aguarda o êxito, mas deve fazer ebbó já que há obstáculos que impedem que receba o título ou cargo de importância.

santeria cubana em portugal

Corre o risco de ser vítima de uma tempestade ou relâmpago. Se fala de um membro da família que já é defunto e não lhe deram um enterro final. Há uma mulher membro da família com problemas para ter filhos. A mulher abandona o seu marido e o anjo da guarda do homem não autorizou essa união. Não consuma os animais de sacrifícios porque perde a sua validade. O homem é mulherengo e a mulher gosta muitos de homens. Não vá para lugares onde não tenha sido convidado, porque passará uma vergonha ou uma agressão física. Há que dar de comer a Shangó galo e quiabo. Há risco de roubo de propriedades. Cuide-se muito de répteis. Este odu envolve a morte, falta de coragem, disputa de heranças, coisas encadeadas ou contagiosas, contrariedades, tragédias, desobediências, amarrações com bruxaria, drogas lícitas e ilícitas. Se fala de uma pessoa vingativa e matreira. Deve atender aos mortos. Se fala de maldições. Há inconformidades e ambições. A mulher enamora um homem casado e se criam problemas. Os mortos fazem armadilhas aos vivos. Há quem o digam que é uma pessoa louca. Não deixe que o utilizem. Não gaste o seu dinheiro por gosto. Há guerras entre famílias por causa da religião. Cuide-se de uma operação por doença numa perna. Há uma viagem que proporcionará fortuna. Há notícias de uma morte repentina de três pessoas. Quando sair não diga nunca onde vai ou diga o contrário. Há um problema que se converterá em bem. Preste muita atenção o que diz esta letra, e ainda que venha em ire, há que fazer um ebbó. O conversador morre pela sua própria língua. Uma má sombra de um morto que guarda rancor e persegue-lhe.

 

RECOMENDAÇÕES:

Evite falar mentiras a menos que seja uma mentira piedosa, há pessoas que não o tratam com legalidade, não renegue nem maldiga, não discuta mesmo que tenha a razão, jogue na lotaria, há gente que crê que é mentiroso ainda que mil verdades, não chore pela sua miséria, cuide-se do fogo, não se vista com linhas, não maltrate os animais, seja justo e prudente para que evite acidentes, oiça conselhos para que chegue longe, não discuta com pessoas de uniforme, não ajude economicamente ninguém, quando fizer trabalhos cobre-os de imediato ou terá problemas para fazê-los, não negue a comida a ninguém, não crê em nada ou crê a sua maneira. Faça um amuleto para afastar a má sorte, afaste-se das contrariedades e das desconfianças, trate de não discutir com as outras pessoas, cuide-se dos acidentes, tenha cuidado com as mordeduras de animais, não seja violento para não ir para a prisão, não levante a mão a outras pessoas, não guarde nada de nada porque se é algo ilegal, carregará a culpa, seja considerado com a sua companheira (o) para evitar tragédias por infidelidade ou mau trato, deve cuidar-se de um inimigo alto e forte que quer destrui-lo, há êxito no campo ligado a agricultura, faça os seus trabalhos bem para que ganhe um posto de importância.

 

DOENÇAS RELACIONADAS COM O ODU:

Deformidade física, doenças contagiosas, dependia de drogas (medicamentos), problemas de brônquios, dormência na coluna vertebral, problemas de audição, dores no estômago, problemas renais, hipertensão arterial, derrame cerebral, impotência sexual, dores nas pernas e braços.

 

PROIBIÇÕES:

Não se come feijão de cor e nem grãos negros, não se ingere bebidas alcoólicas, não se come carne crua ou semi crua, não tenha gatos em casa.

 

PATAKI

O rei de uma comarca foi por curiosidade consultar a casa de Orula. Este disse-lhe que tenha cuidado, pois, no seu palácio estava rodeado de inimigos. O rei começou a rir dizendo que isso era ridículo, porque todos os que componham o seu séquito eram membros da sua família. Passou o tempo, e o rei teve que ausentar-se do seu reino, e deixou o cargo a um dos seus maiores de confiança. Quando regressou, viu que lhe haviam usurpado o seu trono, e que o queriam matar. Para evitar isso, e por conselho de Orula, fez uma rogação, e ao recuperar o seu trono mudou todos os seus membros. 



Okanbi
Com a bênção do meu Pai Aggayú e Yemanjá

Para qualquer outra questão sobre este texto, pode-nos escrever para o nosso correio eletrónico e darei mais explicações ou retirarei dúvidas.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Categoria: