Altar Cigano

Altar Cigano

Descubra o seu guia cigano

Muitas vezes foi-me perguntado como se pode saber quem é a nossa cigana nas cartas. Para responder a isso primeiro precisamos saber quem eram esses povos ciganos. Sobre o povo cigano não se têm ao certo uma definição conclusiva. O que há de entendimento geral é que, o cigano, é um indivíduo nómada, originário do norte da Índia e espalhado em pequenos grupos pela Ásia, Europa, África do Norte e algumas partes da América na totalidade. 

Desde criança eu ouvia falar em Santa Sara Kali, a padroeira dos ciganos, mulher da Etiópia escravizada no Egito e que prometeu a Jesus Cristo que usaria para sempre um lenço na cabeça ou uma flor no cabelo como sinal de respeito e devoção a Ele depois de ser salva das águas do oceano. Para sabermos quem é a nossa cigana nas cartas, precisa deixar a magia cigana contagiar. Saber quem é a nossa cigana é estarmos de braços abertos prontos para acolher sem restrições, com todo o carinho e dedicação para poder se libertar, para poder respirar tranquilamente, desabafando com a sua querida cigana.

Através das cartas podemos dar o primeiro passo para descobrimos se tem como guia uma cigana. Caso se confirme, passa, entretanto, por uma sessão espiritual dedicada aos guias ciganos, para sabermos com exatidão quem o/a acompanha. Após essa sessão pode dar seguimento a criação de um altar, oferendas e tudo o que a sua cigana precisa. Estes são os passos mais comuns para alcançar o saber quem é a nossa cigana nas cartas. Quando isso acontecer, é o maior tesouro do universo.

 

Criação do seu altar da sua cigana

  • Precisa de uma imagem de Santa Sara.
  • De uma boneca cigana, que representa a sua guia espiritual.
  • Imagem do cigano Wladimir.
  • Um baralho do Tarot cigano.
  • Pedras variadas, por exemplo, cristais, ametista, quartzo de várias cores, perita, ónix, malaquita, hematita, calcita, ágata, citrina ou sodalita).
  • Uma pirâmide de cristal em tamanho pequena.
  • Um incensário e incensos variados.
  • Precisa de uma vela de 7 dias. Particularmente eu uso as cores vermelhas, azul-claro, amarela, variando entre elas, segundo o pedido que eu mentalize no momento em que as acendo.
  • Um leque e castanholas, se for uma cigana espanhola.
  • Fitas finas, coloridas, medindo 70 cm cada uma e usar as cores verde, vermelho, amarelo, lilás, azul-claro, azul-escuro, rosa, menos preta e castanho. Essas fitas devem ser colocadas nas mãos unidas de Santa Sara.
  • Três taças, de preferência em cristal, devido à pureza do material.
  • Uma toalha na cor vermelha (amor), dourada (prosperidade), ou na cor da sua preferência, menos preta e castanha. Pode comprar o pano e mandar uma costureira fazer como desejar.
  • Um jarro de flores, podendo ser fino, desde que caiba no mínimo três rosas.

 

Montar um altar

Não têm mistério para montar o seu altar, use a sua intuição. Esse é um altar simples, com poucos elementos e que não ocupa muito espaço. Conforme a sua relação de afinidade com o (a) cigano/cigana espiritual for crescendo, novos elementos podem ser acrescentados conforme o gosto dele (a). Forre a mesa que será utilizada com a toalha, coloque a Santa Sara e o Cigano Vladimir no centro. Abra o baralho à frente de Santa Sara, de modo a energizá-lo para futuro trabalho (se for trabalhar com cartas) ou apenas para homenagear a Santa com elementos da tradição cigana. As pedras devem ser lavadas em água corrente e se possível deixada de um dia para outro em água com sal grosso. Se não puder fazer a limpeza com sal, lave-as com água e mentalize com fé o pedido de limpeza das pedras, e que a energia delas seja utilizada para o "bem". 

Acomode-as num prato de louça ou barro, conforme a sua vontade. O incensário pode ficar em qualquer local da mesa, desde que longe de tecidos para evitar o perigo de incêndio. Use o incenso que desejar, conforme a necessidade do ambiente (saúde, prosperidade, limpeza espiritual). Mantenha as taças sempre cheias, ou com água que deve ser trocada a cada 3 dias, vinho branco ou tinto ou sangria (com vinho tinto). Para a cigana, se for da preferência dela, ofereça champanhe. Quando for trocar a bebida, despeje a antiga em água corrente, pode ser na pia com a torneira aberta, deixando que se vá com a água. Pode oferecer frutas para Santa Sara e para o povo cigano, para agradar e agradecer a proteção desse povo no seu lar.

Pode fazê-lo uma vez por mês, não sendo necessário mais que isso. Lembre-se de deixar a oferenda no máximo por 1 ou 2 dias no altar, descartando em local apropriado antes que se deteriorem, evitando insetos e mau cheiro no altar e em casa. Um conselho que ao elevar o seu pensamento e prece em frente ao altar de Santa Sara, faça-o com o corpo limpo (nunca suado ou sem roupa) e para as mulheres, de preferência com um véu branco ou azul-claro cobrindo os cabelos, como sinal de respeito. Se der uma festa ou receção em casa onde as pessoas comam e bebam perto do altar, cubra-o com um pano claro (lençol ou toalha de mesa na cor branca, que tenha sido reservado para esse fim). Antes, claro, apague as velas e incensos. Só o descubra após as visitas saírem. Não permita que pessoas cuja energia não conhece, toque no seu altar, principalmente nas pedras e no baralho, esse só deve ser manipulado pela (o) dona (o). Mas é permitido e acima de tudo, um ato de caridade, permitir que uma pessoa aflita se ajoelhe em frente a Santa Sara e faça os seus pedidos e orações, pois, a Santa Mãe de todos, ciganos e não ciganos, médium e não médium, espírita ou não espírita.

Boa sorte na preparação do seu altar e não se esqueça, use a sua intuição, ela é melhor que qualquer orientação escrita.

 

Os significados de algumas frutas

  • Uva rubi: prosperidade
  • Uva verde: saúde
  • Uva-passa ou ameixa: progresso
  • Morango: amor
  • Damasco: sensualidade
  • Pêssego: equilíbrio pessoal e sedução
  • Limão: energia positiva e purificação da alma
  • Laranja: para afastar energias negativas
  • Romã: espiritualidade
  • Pera: simboliza a imortalidade e a boa saúde, também traz prosperidade pela cor amarela e relaciona-se com o trabalho
  • Abacate: saúde
  • Maçã: amor e transmutação de energia de ambientes
  • Manga: sexualidade e amor incondicional
  • Figo: prosperidade
  • Melancia: prosperidade e fartura
  • Melão: simboliza o sol, energia vital e prosperidade
  • Sempre quando oferecemos a maçã, devemos oferecer a pera, pois, a maçã simboliza a cigana e a pera simboliza o cigano

 

Como agradar a sua cigana espiritual?

Vai precisar de:

  • 1 cesta de vime
  • 1 lenço colorido
  • 6 pedaços de fitas coloridas de 70 cm cada (menos preta e castanha)
  • 1 melão
  • 2 peras
  • 2 maças
  • 2 bananas
  • 1 cacho de uvas verdes
  • 1 cacho de uvas rosadas
  • 2 goiabas
  • 2 pêssegos
  • 6 velas coloridas
  • 1 caixa de incenso da sua preferência, rosas-vermelhas, jasmim, arruda, etc
  • Sementes de sésamo

 

Como fazer uma oferenda?

Numa noite de lua crescente ou nos três primeiros dias da lua cheia, enfeite a cesta com as fitas coloridas da maneira que quiser. Lave as frutas e arrume-as de forma bem bonita, podem estar inteiras. Após montar, salpique as sementes de sésamo no interior da cesta e leve-a para um local alto com bastantes árvores, flores, ou mesmo para uma estrada de terra batida. Ao chegar lá, coloque o lenço no chão e a cesta em cima dele. Coloque os incensos nas frutas mais macias e acenda-os. Acenda as velas coloridas ao redor da cesta. Vá fazendo isso a medida que oferece o agrado para o seu/sua cigano (a).

 

Notas

  • Escolha locais pouco movimentados para deixar o seu agrado
  • Nunca coloque abacaxi e outras frutas azedas em oferendas ciganas

 

 

Morada

Rua do Xisto, n.º 150 . 4475-509 Maia . Portugal
Tel: 965 763 788
Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Horário: De 2.º a Sábado das 10:00h às 19:30h

Livro de Reclamações